Você está em: Notícias»Câmara de Esmeraldas envia requerimentos importantes ao executivo após 2ª Reunião Ordinária de Maio

Câmara de Esmeraldas envia requerimentos importantes ao executivo após 2ª Reunião Ordinária de Maio

Câmara de Esmeraldas envia requerimentos importantes ao executivo após 2ª Reunião Ordinária de Maio
Após a 2ª Reunião Ordinária do mês de maio da Câmara Municipal de Esmeraldas, requerimentos importantes com pedidos de informações relevantes foram enviados ao executivo. São assuntos relacionados à saúde, esporte, lazer e educação que contam com a total atenção dos parlamentares esmeraldenses. No requerimento 81/2022, enviado pela vereadora Vânia Teixeira da Rocha (Vaninha) foram solicitadas informações sobre o atendimento odontológico na rede municipal de saúde, questionando a relação de profissionais concursados e comissionados que estão atuando, além também de buscar conhecimento quanto à carga horária de todos. A parlamentar ainda enviou questionamentos sobre a quantidade de consultas disponibilizadas por unidade e número de pessoas que aguardam na fila de espera para atendimento. Por fim, a Presidente do Legislativo ainda perguntou quais são os tipos de atendimentos disponibilizados a população atualmente, a quantidade de pessoas que receberam atenção em 2021 e as despesas na área no ano anterior. Já no requerimento 82/2022, enviado pelas vereadoras da mesa diretora, Vaninha, Carla Nicolau e Valéria Gama, foi solicitada prestação de contas com ações em prol da população na Secretaria de Cultura, Secretaria Adjunta de Políticas Públicas sobre Drogas e Secretaria Adjunta de Esportes. No requerimento 83/2022, os vereadores Gustavo Henrique Machado de Oliveira (Gustavo de Dedé), Klibas Aparecido e Vicente de Paulo enviaram ao executivo o pedido de cópia dos estatutos dos Conselhos Municipais ativos no município. Eles também enviaram a solicitação 84/2022, pedindo informações ao executivo em relação aos serviços prestados pela empresa João José Nascimento – ME, com explicações ao valor pago no contrato com documento de comprovação de notas, período de prestação de serviços e maquinários disponibilizados ao município pela empresa, a planilha com as localidades onde os serviços foram prestados, além de buscar informações sobre o motivo de cancelamento do contrato com a empresa e todo processo de anulação. O parlamentar ainda solicitou o contrato administrativo N21/2022 com a Empreiteira e Transportes Lopes, considerando e comprovando os maquinários disponibilizados pela empresa até o momento, bem como o relatório das horas trabalhadas em cada localidade. No próprio requerimento, Vicente justificou que os “questionamentos acontecem pela falta de manutenção nas vias, causando transtornos” a população. Já no requerimento 85/2022, a vereadora Carla Nicolau de Oliveira Ferreira (Carla da Pizzaria) deseja saber do executivo informações sobre o número de salas com aparelhagem ou clínicas de reabilitação existentes na rede municipal de saúde, inclusive as conveniadas. Carla enviou ainda o requerimento 86/2022 solicitando informações sobre o número de veículos e número de servidores na função de motorista disponíveis para atendimentos nos conselhos tutelares. No pedido 87/2022, Carla da Pizzaria pediu elementos sobre os recursos da Vale enviados ao município e o planejamento para aplicabilidade do mesmo. Por fim, no requerimento 88/2022, ela pediu dados sobre o motivo da paralisação do transporte escolar na região de Melo Viana, ocorrido no dia 12 de maio de 2022. Transporte para população da zona rural Motivo de preocupação da vereadora Vaninha, também virou assunto para um requerimento enviado ao executivo. Há algum tempo a parlamentar observa que quem necessita sair de Esmeraldas para fazer um tratamento médico e depende do transporte dado pelo executivo passa por problemas. Isso porque o veículo deixa a cidade muito cedo para cidades vizinhas e a população que mora distante do centro encontra problemas para deslocar até o local e pegar o coletivo. O pedido 89/2022, portanto, questiona o executivo “sobre o motivo da não extensão do atendimento aos pacientes que necessitam do veículo para tratamento médico fora”.


© 2022 - Desenvolvido por Lancer